Voto nulo não é dogma! Contra a extrema-direita, voto Haddad 13!

Em Marx/Bakunin, publicado em 1988[1], Maurício Tragtenberg mostra como o anarquista russo, apesar de reafirmar enfaticamente a crítica à democracia burguesa, felicita o amigo Gambuzzi pelo retorno a Nápoles, na tentativa de se eleger deputado. “Talvez te admires de ver que eu”, escreve Bakunin, “abstencionista decidido e apaixonado, empurro agora os meus amigos para se … Continue lendo Voto nulo não é dogma! Contra a extrema-direita, voto Haddad 13!